Agência Escalar

Você sabe o que é a jornada do herói? Entenda!

Você sabe o que é a jornada do herói? Entenda!

Em todo livro, filme ou até mesmo uma música que ouvimos existe a história de uma pessoa que enfrentou obstáculos por um período de sua vida, encontrou uma solução para o problema e, assim, superou as adversidades e reconstruiu seu destino.

Essa sequência, que parece ser um clichê da publicidade, na verdade representa a jornada do herói. Aposto que você deve estar se perguntando o que isso significa e, principalmente, o que tem a ver com seu negócio?

Ao contrário do que possa parecer, a jornada do herói tem muito a ver com sua empresa, afinal ela é um instrumento importantíssimo para fixar sua imagem na mente dos consumidores, e defini-lo como referência naquilo que faz.

Ainda não entendeu a relação entre negócios e a jornada do herói? Não sabe sequer o que essa tal jornada significa? Fique tranquilo. Preparamos um texto para explicar o que é e como a jornada do herói pode ajudar o seu negócio.

O que é a jornada do herói?

A jornada do herói é um recurso muito comum utilizado em narrativas, como livros e filmes, através da criação de um modelo de narrativa que se conecta com o leitor de tal maneira que a pessoa se sente parte daquilo que está lendo, assistindo ou ouvindo.

Pensando conceitualmente, a jornada do herói é dividida em três partes: a chamada (quando o herói está desejando sua jornada, mas ainda não se pôs a caminho), a iniciação (histórias vividas pelo herói ao longo do tempo) e retorno (quando o herói retorna após cumprir a jornada. Em geral ele traz experiência, conhecimentos e poderes que adquiriu durante o período em que esteve vivendo sua jornada).

Como os enredos são construídos?

Apesar dos três passos comporem a essência da jornada do herói, é a partir de 12 etapas que todos os enredos, sejam eles de livros, filmes ou até mesmo do comercial de sua marca, que a jornada do herói toma corpo e permite que os enredos apresentados ao público sejam construídos.

Conheça agora cada um deles:

1.Mundo comum: Lugar onde o herói vive com outras pessoas antes de iniciar sua aventura;

2.A chamada: Surgimento de um grande desafio que influencia o herói a deixar sua zona de conforto para enfrentar e solucionar o problema;

3.Recusa ou reticência: Sabe aquele momento em que o herói se recusa a enfrentar o problema por acreditar que não é apto para a tarefa? Esse sentimento faz parte da terceira etapa de sua saga;

4.Mentoria: quando o herói tem a seu lado um mentor que o convence a aceitar e iniciar sua jornada fornecendo-lhe, para isso poderes quase que divinos e muito conhecimento;

5.Cruzamento do primeiro portal: nessa etapa, o herói deixa seu mundinho trivial e acessa um universo mágico, onde tudo pode acontecer;

6.Provações, aliados e inimigos: É aqui que a ação efetivamente começa. Na sexta etapa, o herói enfrenta as primeiras privações, conhece seus aliados e, principalmente, seus inimigos.

7.Aproximação. A parte em que o herói vence as dificuldades.

8.Provação difícil ou dramática: Na oitava parte da saga, o herói enfrenta a maior dificuldade de sua vida. Esse período é classificado como o mais dolorido de todo a história.

9.Recompensa: Nesta parte, vivenciamos parte do “final feliz” do herói. Nesse momento, ele não só escapa da morte, como também supera seus medos e recebe uma recompensa, por ter vencido o grande desafio, além de receber uma fórmula mágica como grande recompensa por ter aceitado o desafio.

10.O retorno: Depois de toda a aventura, o herói retorna para sua vida habitual.

11.Ressurreição: Ponto decisivo na vida de todo o personagem, a décima primeira parte da história traz um teste, onde o herói enfrenta o perigo e a morte.

12.Regresso com a fórmula: É quanto o final feliz acontece. O herói retona para sua casa com a fórmula mágica, e decide ajudar a todos a seu redor.

Como a saga do herói se encaixaria no meu negócio?

Depois de ler toda essa descrição, você deve estar se perguntando onde a saga do herói se encaixaria em seu negócio. A resposta é: em todas as etapas, mas principalmente no momento da venda.

Contar boas histórias faz parte de nossa vida, mas quando usamos os elementos certos tornamos nossa empresa muito mais interessante e nossos produtos mais imprescindíveis para a vida de todos.