Agência Escalar

O que é um funil de conversão?

O que é um funil de conversão?

Atualmente, todo empreendedor, seja ele online ou não, compreende a importância de ter um site. Além de manter sua presença na rede, um site é uma excelente forma de conseguir mais leads, os sonhados e-mails para prospecção e fidelização de clientes.

Mas, assim como conseguir esses leads não é tarefa das mais simples, compreender a mente de um potencial cliente é um mistério que muitas pessoas têm dificuldades de decifrar. Para isso, aplicam várias fórmulas e fazem vários esforços, muitos deles sem sucesso.

De todas as estratégias existentes no marketing digital, e que podem ajudar a compreender como pensa um cliente, e qual o caminho até a tão sonhada compra, o funil de conversão é, sem dúvida, a mais eficaz.

Sabe o que é isso? Já ouviu falar nesse conceito algum dia de sua vida? Não? Fique tranquilo. Preparamos um texto completo que vai te ajudar a decifrar esse mistério.

Funil de conversão

Imagine a figura de um funil. Isso mesmo, um funil. Parece inusitado? Pois essa é a melhor maneira de compreender o que é um funil de conversão. Essa estratégia acompanha o caminho que o consumidor traça, desde o momento em que descobre a necessidade por um determinado produto ou serviço, até sua tomada de decisão.

Esse momento tem significados distintos para os dois personagens envolvidos ali: empresa e consumidor.

Para quem vai comprar, o funil de conversão é o trajeto feito enquanto busca informações para que entenda do que precisa e como consegui-lo.

Já para o empresário, o funil de conversão é um acompanhamento importantíssimo, feito para educar, informar e ocupar os possíveis clientes, aproximando-os de sua marca e, na hora da tão sonhada compra, escolhendo a sua empresa, e não um concorrente.

Qual a importância do funil de conversão para o seu negócio?

Com o funil de conversão, uma empresa consegue não apenas otimizar suas estratégias de marketing e de vendas, como também direcionar suas ações, atraindo os internautas com potencial para se tornarem clientes regulares, convertendo-os em compradores efetivos e, por fim, fidelizando esse público.

Como minha empresa pode elaborar um bom funil de conversão?

Em geral, cada empresa é quem define a estratégia que irá elaborar, com fases que as diferem da concorrência acompanhando, por exemplo, seu nicho de mercado, as etapas que seus clientes passaram até chegarem de fato a seu site e a necessidade, ou não, de um detalhamento maior para que suas equipes de marketing e vendas compreendam como devem se relacionar com esses clientes em potencial.

Mas, em linhas gerais, todas as empresas precisam partir de uma estratégia básica de funil de conversão, que contempla as três “partes” dele: o topo, o meio e o fundo, conforme detalharemos um pouco melhor abaixo.

A fase da descoberta (topo do funil)

Aqui é quando o cliente ainda descobrindo se o que tem é uma necessidade ou problema. Tudo está muito vago em sua cabeça. Esse é o momento em que ele começa suas pesquisas para compreender melhor do que precisa.

Como a internet é o caminho mais utilizado para essa busca, sua empresa pode utilizar esse momento do cliente para atraí-lo, aplicando estratégias como a criação de um conteúdo vasto, que fale de dúvidas e questionamentos de seu público-alvo.

Para ser ainda mais assertivo, otimize seu conteúdo com técnicas de SEO, garantindo assim que será encontrado mais facilmente pelo cliente.

Considerando a compra (meio do funil)

A fase intermediária é aquela em que o consumidor já sabe qual problema ou necessidade possui. Aqui, ele começa a considerar como solucioná-lo, que empresas oferecem o melhor produto ou serviço e quanto isso vai custar, por exemplo.

Por ser uma fase delicada para a concretização de sua venda, aqui você deve aprofundar os conteúdos que produz em seu site ou blog, permitindo que o lead caminhe para se tornar de potencial a cliente efetivo.

Boas sacadas são textos explicativos, densos e que mostrem ao seu leitor/potencial consumidor como sua solução se encaixa exatamente no problema ou necessidade que ele deseja resolver, a um bom custo benefício.

Momento da decisão (fundo do funil)

Nessa fase, seu lead já está pronto para se decidir pela compra. Ele já sabe do que precisa, quanto pode pagar e como deseja que seu problema seja solucionado. A única coisa que falta decidir é quem fornecerá esse produto ou serviço.

Mesmo que você esteja ao lado do potencial cliente durante todo esse percurso, pode ser que ele ainda precise ser “convencido” de que a sua empresa tem exatamente aquilo que ele busca.

Para fazer isso, a dica é apostar em cases de sucesso. Mostrar outras pessoas que consumiram seu produto e encontraram a tão sonhada solução, em pouco tempo e com resultados excelentes.

Caso seu potencial cliente seja um pouco arredio, invista em amostrar grátis e testes de degustação. Com todas essas estratégias em prática, você verá como suas vendas irão aumentar.